Silas Malafaia é apontado como vice de Bolsonaro em eleições

Silas Malafaia, pastor da Assembleia de Deus ao lado de Jair Bolsonaro
 

As articulações para as eleições do ano que vem já despontam nomes, alguns deles assustadores, como é o caso de Silas Malafaia, apontado como possível vice de Bolsonaro, na chapa para o próximo ano. A informação é do colunista Igor Gadelha para o "Metrópole".

Os indícios de que o pastor poderá se candidatar ao lado de Bolsonaro ficam mais fortes a cada dia. O primeiro deles são os convites constantes para que Malafaia esteja nas viagens oficiais pelo Brasil. O pastor também foi o único que discursou, além de Jair, nas manifestações no dia 7 de setembro na Av. Paulista.

Por enquanto o líder evangélico segue afirmando que não pretende ser candidato, mas não descarta a possibilidade: "o futuro a Deus pertence", afirma. Já Hamilton Mourão, atual vice-presidente, deve se candidatar para o senado em 2022.

Vale lembrar que em 2017 Silas Malafaia foi indiciado por crime de lavagem de dinheiro e corrupção. Em 2020 ele foi condenado a pagar R$ 15 mil de indenização ao deputado federal Marcelo Freixo, por danos morais, e acumula a vários processos pelo crime de homofobia.