Header Ads

Últimas

Festival online com 20 horas de duração, reúne artistas trans

Linn da Quebrada, Liniker e As Bahias e a Cozinha Mineira são algumas das atrações


A partir das 15h do dia 4 de abril, o perfil @festivalmarshaentranasala inicia a transmissão do festival “Marsha! Entra na Sala". A programação segue no Youtube e no Instagram, apresentando talk shows, oficinas, música e arte, com nomes conhecidíssimo pelo público LGBTQ+ como Linn da Quebrada, As Bahias e a Cozinha Mineira, Mel Gonçalves (ex-Banda Uó) e Liniker.  

O festival segue recebendo doações (clique aqui), os valores arrecadados serão divididos em duas partes, onde a primeira será dividida igualmente entre os mais de 50 artistas envolvidos no festival e que tiveram os trabalhos cancelados devido a pandemia do coronavírus.

A segunda parcela será revertida em cestas básicas, doadas prioritariamente para pessoas carentes LGBT's, e para pessoas trans em situação de cárcere, contempladas através da Organização Casa Chama.

O nome do festival é uma homenagem à Marsha P. Johnson (1945 – 1992), ativista dos direitos LGBTQIA+ norte-americana que foi peça-chave no movimento de Stonewall, nos EUA. A vida dessa grande ativista está disponível em um documentário da Netflix.

Nenhum comentário