Header Ads

Sem cachê, Daniela Mercury fará show na parada LGBT do Rio de Janeiro



Daniela Mercury confirmou que irá se apresentar na 22° Parada LGBT do Rio de Janeiro, no próximo dia 19 de novembro em Copacabana. Sem apoio do governo do Rio, comandado pelo líder evangélico, Marcelo Crivella,  a organização do evento não teve cachê para pagar a cantora, que mesmo assim aceitou se apresentar no evento: “Sou artista e não capitalista”, afirmou a rainha do Axé.

“Sempre fiz ações voluntárias e me sinto muito feliz em poder fazer isso. Além disso, sou embaixadora do Unicef há mais de 22 anos. Quando me convidaram me dispus a mudar minha agenda para estar na parada gay do Rio”, contou a cantora.

Polêmica

Daniela assume o posto de grande estrela da parada, que a princípio poderia ter sido de Preta Gil. Convidada para ser musa do evento, a assessoria de Preta não respondeu ao convite da Coordenadoria Especial da Diversidade Sexual da Prefeitura do Rio de Janeiro (RJ) após o anúncio de que não havia verba para pagar a famosa.

Preta comentou o caso em seu perfil no Instagram e chamou a nota de "caluniosa", mas não deixou claro o motivo de não ter aceitado o convite. A funkeira Cariúcha aceitou o posto de musa do evento, e também irá marcar presenta da Parada LGBT carioca.