Header Ads

Preso em caso de corrupção no DETRAN-RJ era amante de ex-presidente do TCE

André Vinícius mantinha uma relação com o presidente afastado do TCE do Rio de Janeiro, Aloysio Neves, ambos estão envolvidos em casos de corrupção

Sexo, poder, corrupção e dinheiro, parece até uma novela mexicana, mas tudo isso é um resumo de um caso desvendado pelo Polícia Civil do Rio de Janeiro, vem com a gente que eu te explico.

Segundo informações do Ministério Público, André Vinícius Gomes da Silva, liderava uma quadrilha de corrupção no Departamento Especial de Trânsito do Rio de Janeiro (DETRAN-RJ), o esquema era acobertado por Aloysio Neves, presidente afastado do Tribunal de Contas do Estado (TCE-RJ), em troca, André Vinícius, mantinha um "relacionamento afetivo íntimo" com Aloysio.



André Vinícius, foi preso na quinta-feira, 31 de agosto, depois que o Ministério Público teve acesso a conversas telefônica do ex-presidente do TCE que comprovam o esquema de corrupção. André é ex-secretário de Habitação e Urbanismo do município de Magé e teria usado seu relacionamento com Aloysio para obter favorecimentos na análise das contas e dos contratos do município carioca.



Calma que tem mais, Aloysio Neves chegou a ser preso acusações de receber propina, em esquema chefiado pelo ex-governador Sérgio Cabral, mas hoje ele responde em liberdade. André morava em uma mansão com piscina, churrasqueira e até boate. Na garagem, um carro importado avaliado em R$ 200 mil.