Pela primeira vez Popó fala sobre a relação com o filho gay



“Estou aqui, em primeira mão declarando para vocês: ‘Eu tenho um filho de 17 anos que é gay. Meu tratamento com ele é de igual para igual. Tem muitos pais que até num dia como o de hoje botam para fora, maltratam. Mesmo sendo lutador de boxe, que tem aquela coisa do machismo, do homem que bate, temos que tratar nossos filhos como nossos amigos. Se não tratarmos bem em casa, na rua vão maltratá-los”, a declaração acima é do ex-lutador de boxe, Acelino Popó Freitas, ele comentou sobre o filho gay numa entrevista à apresentadora Daniela Albuquerque.

O ex-lutador lembrou também quando o filho revelou ao pai que era gay: “Eu nunca desconfiei de nada. Meus irmãos, primos diziam: ‘Tio, o senhor não está vendo nada diferente?. Eu dizia que não, porque sempre criei meus filhos como homem e serão a mesma pessoa pra mim o resto da vida. Chamei pra conversar e ele disse que ainda não tinha se identificado, que sentia atração por meninos. Pouco tempo depois disso, me apresentou namorado”.