Header Ads

Pabllo Vittar nega entrevista ao Programa Pânico e gera polêmica, entenda



Seja famoso e tenha cada passo seu vigiado pela mídia, Pabllo Vittar está sentindo na pele o que é isso. A drag acaba de ser assunto nas redes sociais e sites de fofoca após se recusar a dar entrevista a Evandro Santo do programa "Pânico na Band".

O repórter não gostou nada da atitude de Vittar e criticou a cantora em seu perfil no Instagram: “Sinceramente, eu esperava mais humildade da Pabllo Vittar. Sendo gay, poderia ter sido educado, mas me negou uma entrevista! A Anitta falou e foi super legal!!! Cuidado bicha! Tem pessoas que estão a sua frente, antigas, e você não faz a deslumbrada… Cuidado!”, publicou o humorista nesta quinta-feira (10/08).

“Eu sou fã do Pabllo [...] Eu queria muito falar com ele. Como fã, fiquei magoado”, finalizou. Até o momento a equipe da cantora ainda não se pronunciou sobre o episódio, mas vale lembrar que o "Pânico na Band" é famoso por suas piadas homofóbicas e cheias de preconceito.

ENTENDA OS MOTIVOS

Enquanto alguns internautas se ocuparam em criticar a cantora por se negar a falar para o "Pânico na Band", outros foram além e tentaram entender os motivos da recusa.  Um vídeo de outubro de 2016 pode explicar toda a situação. (0:42)

No prêmio Multishow do ano passado Pabllo falou ao repórter Vesgo, que fez piada com a cantora: "A gente não sabia que você aspirou um gás hélio antes de vir aqui", disse ele é referência a voz de Vittar. Pabllo respondeu educadamente apesar da situação: "Minha voz é assim mesmo, gente, desculpa. Inclusive vocês tocam minha música todo final de programa", disse.

Após cantar um trecho o hit "Open Bar" ele se despediu dos repórteres, que a atacaram logo em seguida. "Que voz é essa?!" declarou o repórter Vesgo em tom de negação; "Voz de quem chupa ***" completou outro integrante do Pânico na Band.