Header Ads

Casal gay recria foto após 25 anos para provar que existe amor duradouro



Via: A CAPA

Em uma época onde tudo é efêmero e os relacionamentos são cada vez mais líquidos, uma luz no fim do túnel. Está circulando nas redes sociais a foto de um casal gay recriada 25 anos depois "para mostrar aos jovens que o amor duradouro existe".

Os protagonistas dessa história são Nick e Kurt. Os dois se conheceram durante a edição da Parada do Orgulho LGBTQ de Washington em 1993, desde então, são 25 anos juntos, 25 anos de um "amor verdadeiro".

Nessas décadas, o casal enfrentou juntos o peso do preconceito, o estigma da Aids, a impossibilidade de oficializarem sua união, tampouco de poderem adotar, bem como as políticas restritivas de Reagan e Clinton. Hoje, com um cenário completamente diferente, embora tenha-se a ranço do conservadorismo ainda tão presente, eles celebram as conquistas e, sobretudo, a cumplicidade existente entre os dois.

A ideia de recriar a foto partiu de familiares e amigos. Nick, então, postou em seu Instagram no dia 11 de junho e a imagem viralizou e já foi compartilhada mais de 20 mil vezes. O perfil no Twitter @tagyourheathen também ajudou à popularizar a fotografia compartilhando-a em sua página. São mais de 140 mil retuites.



Ao jornal El País, Nick comentou a repercussão que a publicação teve e disse ter recebido "nos últimos dias centenas de histórias de pessoas que se sentem identificadas conosco e que nos emocionaram". 

Junho é considerado o mês do Orgulho LGBTQ por remontar à Revolta de Stonewall que aconteceu no dia 28 de junho de 1960, quando um grupo de militantes da comunidade reagiu às arbitrariedades da polícia nova-iorquina.

Hoje, Kurt, de 54 anos, e Nick, de 52, afirmam que continuam participando da marcha por considerarem "importante representar a comunidade", mas, também, porque "acreditam no movimento". "As manifestações do Orgulho LGBT+ são guarda-chuvas enormes que acolhem uma população muito diversa e permitem nos reunirmos para aprender uns com os outros e aceitar nossas diferenças".

Suas duas fotografias virais, separadas por 25 anos, "são uma forma de agradecer a todos aqueles que facilitaram o caminho antes de nós", conta Nick. "As pessoas que protestaram em Stonewall, em 1969, aqueles que enfrentaram a crise da Aids nos anos oitenta e noventa, os que lutaram em um tribunal por seus direitos, cada pessoa que saiu do armário diante dos outros... Queremos agradecer a todos. É importante se envolver, fazer a diferença, dar um passo à frente, apoiar a comunidade e propagar uma mensagem de amor".