Youtube restringe acesso a vídeos com temas LGBT



A ferramenta "modo restrito" disponibilizada pelo Youtube, impedia até a semana passada a visualização de vídeos considerados ofensivos mas que ao mesmo não infringiam os termos de serviço do site para serem removidos, porém uma atualização na política de restrição do site, tem causado polêmica. 

Desde a quinta-feira passada, 16 de março, o Youtube passou a restringir o acesso a vídeos de temática LGBT para quem tem o modo restrito ativado no site. Canais como "Põe na Roda", "Canal das Bee" e "Luba TV" estão sendo prejudicados pela atualização. Além de canais com essa temática, clipes de cantores que defendem a causa também estão sendo "censurados", entre eles Lady Gaga, Anitta, Rihanna e Katy Perry.