Header Ads

"Não curto afeminados" são vistos como perfis menos inteligentes, afirma estudo




Se o seu perfil em aplicativos de relacionamento diz coisas como "não curto afeminados" ou algo parecido, lamento informar mas você está acabando com as suas possibilidades de encontrar um namorado e queimando seu próprio filme.

Joe Stone, colunista da revista gay Attitude, comentou sobre um recente estudo publicado pela revista científica "Computers in Human Behavior". Intitulado "Masculine Guys Online" o estudo pesquisou 144 homens homossexuais e bissexuais sobre seus hábitos de namoro online e descobriu que a maioria deles veem caras que escrevem coisas como "só para machos", "não curto afeminados" ou "somente discretos" como "significativamente menos inteligentes, significativamente menos confiantes sexualmente e significativamente menos datáveis ​​do que suas contrapartes".

"A proliferação de perfis de namoro gay que apresentam um tronco sem cabeça ao lado de uma descrição de "não curto gordos, negros ou afeminados" é um dos aspectos mais deprimentes da cultura gay moderna. Para mim, é duplamente preocupante - primeiro porque as pessoas são tão claramente ignorantes e segundo porque parecem confortáveis ​​anunciando essa ignorância tão livremente", comenta Stone [eu só posso concordar com ele].

Mas há um lado positivo em tudo isso, diz Stone.

"Pelo menos, os homens com perfis "não curto afeminados" nos informam diretamente que eles provavelmente não são evoluídos o suficiente para merecer o nosso tempo", ele escreve. Stone citou ainda uma frase de John Waters, cineasta e jornalista americano, criador do clássico do cinema cult "Pink Flamingo:" Se você vai para casa com alguém e eles não têm livros, não foda-o".

Stone conclui que: "Talvez se adotássemos a mesma política que a brigada de "machos", isso encorajaria alguma introspecção necessária. No mínimo, isso irá ajudá-los a atingir seu objetivo, uma vez que certamente nunca ter relações sexuais com outro homem é a fronteira final em ser verdadeiramente macho e hétero.