Header Ads

Out of Iraq: História de amor entre soldado iraquiano e americano vira documentário

Da mesma produtora de RuPaul's Drag Race, "Out of Iraq" conta a história de amor impossível entre um tradutor americano e um soldado iraquiano.


Um amor quase impossível, essa é a história dramática do romance entre o tradutor do exército americano Nayyef Hrebid e o soldado iraquiano Btoo Allami. Em plena guerra do Iraque os dois se apaixonaram, mas nem mesmo as bombas e explosões foram suficientes para impedir o relacionamento dos dois.

“Eu nunca imaginei que fosse encontrar o amor nesse lugar [Iraque], mas quando eu o encontrei, pensei ‘aqui é o céu para mim’”, conta o tradutor no filme.

Não bastasse o dilema da guerra, ser gay no Iraque é um risco para a vida dos dois. “Ser gay na minha cultura e na minha religião é ruim, então comecei a pensar em uma vida com Btoo fora do país”. Foi quando em 2009 Hrebid conseguiu exílio em  Seattle, nos Estados Unidos, mas essa viagem ele teve de fazer sozinho.

Com Allami ainda no Iraque, começava alí uma segunda guerra, dessa vez para conseguir reencontrar com o namorado. Produzido pela World of Wonder, mesma produtora de RuPaul’s Drag Race, o documentário "Out of Iraq" conta todo o drama dos dois.

Sem opções no Iraque, Allami fugiu para o Líbano, onde tentou asilo como refugiado, foi quando somente em 2013 ele conseguiu autorização para ir para o Canadá. No ano seguinte a história de amor finalmente teve episódios mais felizes, os dois se casaram e em 2015 Allami conseguiu o visto para morar nos Estados Unidos com o companheiro.

“Agora não precisamos mais nos esconder. Posso segurar a mão dele quando estamos caminhando na rua”, disse Hrebid à BBC. “Estou vivendo um sonho. Eu sou livre”, comemorou Allami.