Olimpíadas: Cresce o número de LGBT's assumidos que irão participar dos jogos no Rio

O atleta Ian Matos a esquerda, a brasileira do vôlei de praia, Larissa França e o britânico Tom Daley, todos atletas homo assumidos e que estarão na Olimpíadas Rio 2016


Vai ter gay,  trans e  lésbicas nas Olimpíadas do Rio de Janeiro sim senhor ~ até porque a capital carioca já é naturalmente sitiada pelas gays ~ e para a nossa alegria o número de atletas homo e assumidos que irão participar do jogos na cidade é maior, batendo o recorde como a edição com maior número de competidores assumidos da história das olimpíadas. 

O site gringo Outsports listou ao total 34 atletas gays, lésbicas, trans ou intersexuais, o número é maior do que os 23 que participaram da edição de Londres em  2012 dos jogos. Esse valor pode crescer, uma vez que ainda estão acontecendo seletivas para os jogos.

Aqui no post vamos apresentar alguns desses atletas para vocês, então já segura a marimba e vem ser feliz com a gente.

Já começamos dando um tiro de beleza com o Tom Daley, dos saltos ornamentais. Assumidamente gay o moço é talvez a coisa mais fofa que a gente vá ver na televisão durante esse período.

Tom Daley

Na mesma categoria ainda temos mais dois atletas assumidamente gays, Jamie Bissett, do Canadá, e o fofíssimo brasileiro, Ian Matos ~ já ve me vejo gritando "Vai Ian, arraza bee!" ~ sou dessas.

Jamie Bissett

Ian Matos


No remo, a Nova Zelândia tem o belíssimo Robbie Manson, que assumiu a sexualidade em 2014. Diz que ele é uma das apostas do país para a medalha de ouro. A gente não pode esquecer do Ian Thorpe, da natação australiana, e de Keegan Hirst, primeiro jogador de rugby a sair do armário.

Robbie Manson
Ian Thorpe

Keegan Hirst, primeiro jogador de rugby a sair do armário

Claro que a lista é bem mais extensa e cheia de nomes das mais diversas nacionalidades. Abaixo você confere mais alguns  ~ detalhe: esse ainda não é o babado completo.

Nicola Adams (Grã-Bretanha, boxe)
Seimone Augustus (EUA, basquete)
Tom Bosworth (Grã-Bretanha, caminhada da raça)
Dutee Chand (Índia, atletismo)
Tom Daley (Grã-Bretanha, mergulho)
Carlien Dirkse van den Heuvel (Holanda, campo hockey)
Lisa Dahlkvist (Suécia, futebol)
Katie Duncan (Nova Zelândia, futebol)
Nilla Fischer (Suécia, futebol)
Larissa França (Brasil, voleibol de praia)
Edward Gal * (Holanda, equestre)
Brittney Griner (EUA, basquete)
Carl Hester ( Grã-Bretanha, equestre)
Michelle Heyman (Austrália, futebol)
Stephanie Labbe # (Canadá, futebol)
Alexandra Lacrabère # (França, andebol)
Hedvig Lindahl (Suécia, futebol)
Ari-Pekka Liukkonen (Finlândia, natação)
Robbie Manson (Nova Zelândia, remo)
Hans Peter Minderhoud * (Holanda, equestre)
Ian Matos (Brasil, mergulho)
Anjo McCoughtry (EUA, basquete)
Marie-Eve Nault (Canadá, futebol)
Ashley Nee # (EUA, kayak de águas bravas slalom)
Maartje Paumen (Holanda, campo hockey)
Mayssa Pessoa (Brasil, andebol)
Megan Rapinoe (EUA, futebol)
Helen Richardson (Grã-Bretanha, hóquei em campo)
Kate Richardson-Walsh (Grã-Bretanha, hóquei em campo)
Caster Semenya (África do Sul, atletismo)
Melissa Tancredi # (Canadá, futebol)
Susannah Townsend # (Grâ Bretanha, hóquei em campo)
Jeffrey Wammes # (Holanda, ginástica)
Spencer Wilton # (Grã-Bretanha, equestre)

Share on Google Plus

Editor Blog Para Mocinhos

Thiago Silva - Estudante de jornalismo, 20 e poucos anos, curioso e extremamente gay além de editor e criador do Blog Para Mocinhos. Nos ouvidos um bom eletro pop e um pouco de indie rock, nos olhos um filme qualquer e uma boa companhia, e no coração alguma coisa que nem eu sei o que é ainda.