SP: Por ser gay, casal é expulso de lanchonete com arma, socos e chutes

O episódio de homofobia aconteceu em Dourados, cidade a 225 quilômetros de São Paulo


Três homens, de 24, 32 e 46 anos, procuraram a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) para registrarem terem sido vítimas de agressões em uma lanchonete de Dourados, cidade a 225 quilômetros da Capital. O trio afirma que foi vítima de homofobia na noite deste sábado (30).

Conforme o boletim de ocorrência registrado pelo rapaz de 24 anos, ele estava com o namorado, de 32 anos, e um amigo, de 46 anos, na lanchonete quando foi abordado por quatro pessoas que estavam no local, uma supostamente armada com revólver. De acordo com a vítima, ela foi informada pelos suspeitos que não poderia ficar ali e foi 'convidada' a se retirar com as duas outras vítimas.

Segundo relato do rapaz, os três se negaram a sair da lanchonete, momento em que foram violentamente agredidos pelos suspeitos com socos e chutes, além de serem derrubados no chão. Ainda conforme o registro policial, os agressores efetuaram dois disparos de arma de fogo, que não atingiram as vítimas.

Os três conseguiram fugir e afirmam que as agressões ocorreram por serem homossexuais, pois os suspeitos chegaram a dizer que “não gostavam desse tipo de gente”. As vítimas tiveram lesões aparentes e o caso foi registrado como lesão corporal dolosa, quando há intenção.
Share on Google Plus

Editor Blog Para Mocinhos

Thiago Silva - Estudante de jornalismo, 20 e poucos anos, curioso e extremamente gay além de editor e criador do Blog Para Mocinhos. Nos ouvidos um bom eletro pop e um pouco de indie rock, nos olhos um filme qualquer e uma boa companhia, e no coração alguma coisa que nem eu sei o que é ainda.