Após ameaças de morte Romagaga raspa a cabeça e desiste da personagem

Romagaga raspou a cabeça e anunciou o fima da personagem após receber ataques e ameaças de morte nas redes sociais


O seguidores da Romagaga  ~ lacrafans ~ foram surpreendidos na noite de ontem, 15, com uma transmissão ao vivo da webcelebridade fazendo um desabafo aos prantos e anunciando o fim da personagem em sua página no Facebook.

"Hoje é o fim da Romagaga, da palhaça, porque é essa a visão que as pessoas tem de mim [...] eu fui analisar, eu fui ver e vi que a gente que é travesti não tem valor nenhum para a sociedade. Eu lutei até aqui porque vocês me deram forças e inspiração, mas pra mim não dá mais. O que mexe mais comigo é ver pessoas desejando a minha morte", afirma Romagaga no vídeo, aos prantos.

O vídeo com cerca de 8 minutos registra ainda o momento em que Romagaga raspa a cabeça como forma de "luto" simbolizando o fim da personagem, enquanto chora ~ mona, ela chorra horrores. No vídeo que já som mais de 11 mil compartilhamentos ela manda um recado para os preconceituosos, que foram o principal motivo da "morte" da personagem. Romagaga dedica o vídeo ainda para a cantora Lady Gaga. "Eu te amo Lady Gaga" diz ela aos prantos ao som de "Marry The Night".



ATAQUES

Romagaga vinha sofrendo ataques de um grupo no Facebook chamado "Máfia Maliciosa". No último dia 14 de fevereiro, integrantes desse grupo invadiram o perfil de Romagaga e publicaram diversos comentários ameaçando ela de morte. Todo os ataques e o "suicídio" da Romagaga foram compartilhados em sua página no Facebook, que mesmo após o fim da personagem, permanece no ar. 
No vídeo abaixo Romagaga comenta sobre os ataques que posteriormente motivaram o fim da personagem.


Share on Google Plus

Editor Blog Para Mocinhos

Thiago Silva - Estudante de jornalismo, 20 e poucos anos, curioso e extremamente gay além de editor e criador do Blog Para Mocinhos. Nos ouvidos um bom eletro pop e um pouco de indie rock, nos olhos um filme qualquer e uma boa companhia, e no coração alguma coisa que nem eu sei o que é ainda.