Nany People solta o verbo: "Parei de fazer show na noite, em boates gays, porque a estrela virou o DJ"


Tia Nany People muito sincera, muito verdadeira e sem besteiras falou aquilo que muita gente quer falar mas não tem coragem. Meio off das baladas gays de todo o Brasil, onde era vista fazendo seu bom show de humor, Nany contou em entrevista para o "Correio 24 horas" o motivo do sumiço das baladas e porque de se apresentar atualmente em teatros.

“Parei de fazer show na noite, em boates gays, porque a estrela virou o DJ. Além disso, o perfil da noite mudou muito. Hoje tem muita droga e o muita gente que vai para as baladas não tem paciência para ver shows de artistas transformistas”, afirmou.

Nany comenta que o perfil das baladas mudaram, e isso é fato, inclusive aqui em Fortaleza, onde tem mais drogas do que viados nas festas [e olha que um dia desses prenderam uns quatorze só aqui no Ceará]. Sobre a estrela ser o DJ: amiga, tem brilho na balada pra todo mundo, para o DJ, para as trans, travas, pra mim e prazamigas poc's que performam "Bang" no dancefloor.
Share on Google Plus

Editor Blog Para Mocinhos

Thiago Silva - Estudante de jornalismo, 20 e poucos anos, curioso e extremamente gay além de editor e criador do Blog Para Mocinhos. Nos ouvidos um bom eletro pop e um pouco de indie rock, nos olhos um filme qualquer e uma boa companhia, e no coração alguma coisa que nem eu sei o que é ainda.