Diretor de “Verdades Secretas” admite que ainda existe teste do sofá gay



Via: Pheeno

Mauro Mendonça Filho, diretor geral de “Verdades Secretas”, deu uma declaração polêmica em sua recente entrevista para o jornal “O Globo”. Em conversa com as repórteres Natalia Castro e Valquíria Daher, ele admitiu que o famoso “teste do sofá” com homens – principalmente com os gays – continua nos bastidores da TV.

Em certa altura da conversa, elas perguntam se a imagem de diretor carrasco ficou pra trás. Foi então que Mauro respondeu. “É um clichê antigo, não existe mais. Esses clichês todos mudaram, até o teste do sofá… hétero!”. Surpresas coma declaração, as jornalistas ainda o questionaram: “Hétero?”. “Sim, as meninas já chegam com 18, 19 anos e ferram com nossas vidas, podem acabar com você, entendeu? Os meninos (hétero), os bofes, chegam e te dão uma espinafrada. Já os (homens) gays chegam com os olhos arregalados, o pessoal vai em cima direto”.

No entanto, Mauro continua destacando que a imagem do diretor “carrasco” não existe. “Não existe mais isso de diretor déspota. Ele tem que ser um diplomata, um alquimista, um gestor com alquimia, com certa magia para transformar atores e cenas naquilo que o espectador quer ver. Se você tem aquele brilho no olhar, não precisa de tirania, somente firmeza”.


Share on Google Plus

Editor Blog Para Mocinhos

Thiago Silva - Estudante de jornalismo, 20 e poucos anos, curioso e extremamente gay além de editor e criador do Blog Para Mocinhos. Nos ouvidos um bom eletro pop e um pouco de indie rock, nos olhos um filme qualquer e uma boa companhia, e no coração alguma coisa que nem eu sei o que é ainda.