Astro de "Sobrenatural" ignora fã bissexual em entrevista e é apontado como intolerante



O ator Jensen Ackles, 37, mais conhecido por 'Smallville' e 'Supernatural', é um dos astros de Hollywood mais admirados pelos gays. O bonitão é também apontado como intolerante quando questionado sobre a sexualidade de um de seus personagens mais populares da TV.

Um vídeo de 2013 mostra um episódio onde o ator dá um exemplo claro de intolerância, ao responder uma fã durante um evento. A garota, que não é mostrada no vídeo, começa afirmando que ama e se identifica com o personagem Dean Winchester (Supernatural), por causa de sua suposta bissexualidade. Na frente de um público caloroso, ela própria se declara bissexual. Foi interrompida pelas chacotas e xingamentos dos presentes e pelo ator que, olhando ao redor, indaga: "Sério? Sério que esta é a primeira pergunta?". Ele então a ignora e passa para a próxima pergunta. 



Nos comentários do vídeos, alguns brasileiros criticam a atitude do ator. Alguns acham que ele foi homofóbico, outros o chamam de intolerante e um outro grupo de admiradores acha que o ator não foi nada disso, ele teria apenas se recusado a responder uma pergunta.

Num publicação do mesmo vídeo em inglês, fans americanos tem reação parecida. Um deles comentou o seguinte: "(...) Eu não entendo porque os gays o adoram. Ele é inegavelmente bonito, mas não pode abrir a boca sem fazer um comentário homofóbico. O que me mata são os gays que o defendem apenas pela sua aparência. "Oh, ele não quis dizer isso dessa maneira", "Oh, era apenas uma piada" ou "Oh, você está levando seus comentários muito ao pé da letra(...)"

Fica aqui o questionamento: Ackles foi realmente intolerante com a garota? 
A resposta vocês podem dar através dos seus comentários aqui no blog.
Que comecem os jogos!
Share on Google Plus

Editor Blog Para Mocinhos

Thiago Silva - Estudante de jornalismo, 20 e poucos anos, curioso e extremamente gay além de editor e criador do Blog Para Mocinhos. Nos ouvidos um bom eletro pop e um pouco de indie rock, nos olhos um filme qualquer e uma boa companhia, e no coração alguma coisa que nem eu sei o que é ainda.