Dica de Filme: Love Is Strange



Que tal falar de amor usando uma fórmula bem diferente da que estamos acostumados de ver nas telas dos cinemas e mesmo assim conseguir fazer isso de uma maneira tão simples, melancólica e singela?! Essa é a base de "Love Is Strange" (O amor é estranho), filme lançado esse mês aqui no Brasil e coma direção de Ira Sachs.

No longa Ben (John Lithgow) e George (Alfred Molina) são um casal gay que vivem juntos a quatro décadas e finalmente decidem oficializar a relação, que vale a pena ressaltar é super bem aceita pelos familiares e amigos, afinal estamos falando de dois homens vividos. Porém logo após a cerimônia George perde o emprego em uma escola católica, e sim, essa é uma crítica a religião. Sem dinheiro os dois são obrigados a sair de casa e viver separados até encontrarem um lar. É exatamente separados e envoltos pelos problemas e pela vidas dos outros que o filme segue. 


A trama se desenvolve de uma forma doce e sempre com uma trilha de piano ao fundo, somada a fotografia bem cuidada, o filme traz toda uma melancolia, e muito amor, que nesse caso fica claro até nos olhares entre Ben e George. Nada de grande emoções, climax ou coisas do tipo, "Love Is Strange" é um filme lento, aos pés do marasmo mas que mesmo assim desperta sorrisos e aquela lembrança de como o amor pode ser tão fofo. 

Baixe aqui:

Share on Google Plus

Editor Blog Para Mocinhos

Thiago Silva - Estudante de jornalismo, 20 e poucos anos, curioso e extremamente gay além de editor e criador do Blog Para Mocinhos. Nos ouvidos um bom eletro pop e um pouco de indie rock, nos olhos um filme qualquer e uma boa companhia, e no coração alguma coisa que nem eu sei o que é ainda.