6 motivos para você ter um "fuck buddy" em 2015


Sexo é uma necessidade humana, assim como beber água ou comer, e nem sempre ele precisa vir envolvido por uma teia de sentimentos profundos, ou um total desprezo pelo parceiro. Nesse meio termo surge o "fuck buddy", uma especie de companheiro de foda.
Nem tão profundo para ser seu namorado ou melhor amigo, mas próximo o suficiente para você ir para cama com ele, realizar seus desejos [e ele os dele] e depois jogar uma boa conversa fora.

Pensando nisso listamos aqui seis razões científicas ou simplesmente experiências que a meu ver como editor dessa budega, vão te convencer a ter um "fuck buddy" na sua vida.


É uma boa prática

Um estudo de 2011  analisou o comportamento sexual de mais de 24.000 homens gays e bissexuais. Os pesquisadores descobriram que os homens jovens com idade entre 18 a 24 não se saíram bem quando se trata de suas habilidades na hora de fazer amor. Claro, isso não é tão surpreendente, afinal, com a idade vem a experiência. A presença de um  fuck buddy, ou seja, um parceiro fixo mas sem compromisso para praticar é uma ótima maneira para os jovens moços com menos de 24 anos aperfeiçoarem sua forma de fazer sexo. 



Incentiva orientação

Por outro lado, para os senhores mais velhos que não precisam aprender mais nada surge a ótima oportunidade de ser o "mentor" de um cara mais jovem. Acredite, isso pode ser mágico. Pense nisso: Você está ensinando truques valiosos do sexo, que ele pode, então, aplicar para o resto de sua vida. Além de fazer uma "boa ação" você será sempre lembrado como "o cara que me ensinou tudo o que eu sei na cama". 

É benéfico para a sua saúde mental

Isso não é surpresa para nenhum homem gay na face da terra, mas um estudo publicado pela Social Psychological and Personality Science no início deste ano constatou que as pessoas que se envolveram em sexo casual regular apresentaram menores níveis de estresse e níveis mais elevados de felicidade, ou seja, um fuck buddy além de te satisfazer sexualmente ainda pode te tornar uma pessoa mais feliz.


Vivam suas fantasias

Você sempre sonhou em ser amarrado, amordaçado, espancado, ou fazer xixi em cima de alguém? (Se assim for, você não está sozinho. Este estudo mostra que até mesmo a mais selvagem das fantasias sexuais não são tão incomuns como se poderia pensar.) Agora, você pode não se sentir confortável fazendo essas coisas "diferentes" com o futuro homem que você escolheu para viver o resto da sua vida, então aí surge o "fuck buddy", ele é a pessoa perfeita para você explorar esse lado mais selvagem em cima da cama. Você o conhece. Você confia nele, e ele não vai te julgar pelos seus desejos mais estranhos.

Ele pode lhe fornecer mais do que apenas sexo

Tem uma entrada extra para o cinema? Tá afim de ir a praia mas não tem companhia, ou simplesmente quer assistir algo abraçado com alguém? O fuck buddy pode ir além do sexo, ou até mesmo depois do sexo ele pode ser aquele cara com quem você vai conversar sobre as coisas mais despretensiosas em cima de uma cama, seguido de boas risadas. Sem julgamentos, sem grandes laços e sem pretensão alguma.



É divertido e conveniente

Apesar do que igreja de seus pais pode ter tentado dizer, o sexo é bom, o sexo é necessário e revigorante. Esta pesquisa de 2014 constatou que uma em cada três pessoas tem um amigo com quem possuem alguma ligação, desejo, ou vontade de ir para a cama, então não se martirize pelos seus desejos, existem mais pessoas que possuem um fuck buddy do que se possa imagina. Além do que ter um "amigo" para esse tipo de deversão é muito mais prático do que ficar caçando no Scruff, Grindr ou no bate papo. 
Share on Google Plus

Editor Blog Para Mocinhos

Thiago Silva - Estudante de jornalismo, 20 e poucos anos, curioso e extremamente gay além de editor e criador do Blog Para Mocinhos. Nos ouvidos um bom eletro pop e um pouco de indie rock, nos olhos um filme qualquer e uma boa companhia, e no coração alguma coisa que nem eu sei o que é ainda.