Nadador finlandês assume ser gay


Mais uma porta do armário se abre no esporte. O nadador finlandês Ari-Pekka Liukkonen resolveu sair do armário para protestar contra a repressão aos homossexuais na Rússia.

"Eu queria começar uma discussão mais ampla em relação a Sochi [cidade russa que sediará os Jogos de Inverno]. Porque é triste a legislação na Rússia restringir os direitos humanos dos jovens", declarou Ari-Pekka Liukkonen.

O nadador é o primeiro atleta finlandês em atividade a se assumir gay.  “Foi um processo longo e lento para mim, mas agora eu consegui. Agora tenho a sensação de que posso finalmente ser eu mesmo", contou o atleta sobre o seu processo de aceitação.

Na família, Ari-Pekka afirmou que todos já sabiam de sua orientação sexual. Agora, assumido publicamente, o nadador espera que o assunto possa ser tratado com mais naturalidade.

"Espero que na Finlândia , possamos chegar em breve ao estágio em que não precisemos mais falar sobre isso. A homossexualidade é uma característica como ter olhos azuis ou castanhos, ser canhoto ou destro", declarou.

Ari-Pekka Liukkonen, que ganhou medalha de bronze no revezamento 4 x 50 metros livre misto no Campeonato Europeu de 2012, pretende vir ao Brasil para participar dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro em 2016.

Via: A CAPA
Share on Google Plus

Editor Blog Para Mocinhos

Thiago Silva - Estudante de jornalismo, 20 e poucos anos, curioso e extremamente gay além de editor e criador do Blog Para Mocinhos. Nos ouvidos um bom eletro pop e um pouco de indie rock, nos olhos um filme qualquer e uma boa companhia, e no coração alguma coisa que nem eu sei o que é ainda.