Governo do Piauí muda estatuto para reconhecer casais gays



Os servidores públicos do Piauí que vivem em união estável com uma pessoa do mesmo sexo podem comemorar pois tiveram seus direitos reconhecidos.

No último dia 19, foi publicada, no Diário Oficial do Estado, uma modificação no Estatuto do Servidor Público para contemplar essas uniões deixando claro que elas equivalem às heterossexuais.

Ao parágrafo 2º, foi acrescentado o seguinte termo: “Considera-se união estável aquela configurada na convivência pública, contínua e duradoura entre um homem e uma mulher ou entre pessoas do mesmo sexo, que dispensem um ao outro os direitos e deveres previstos em lei e mantenham relacionamento civil permanente”, diz a nova redação.

Segundo o secretário de Administração do Estado, Paulo Ivan, essa mudança amplia o conceito de família, adequando a legislação do Estado à decisão do Supremo Tribunal Federal que exclui “qualquer significado que impeça o reconhecimento como família da união contínua, pública e duradoura entre pessoas do mesmo sexo, segundo as mesmas regras e com as mesmas consequências da união estável heteroafetiva”, disse ao site “CidadeVerde.com”.

Via: ParouTudo
Share on Google Plus

Editor Blog Para Mocinhos

Thiago Silva - Estudante de jornalismo, 20 e poucos anos, curioso e extremamente gay além de editor e criador do Blog Para Mocinhos. Nos ouvidos um bom eletro pop e um pouco de indie rock, nos olhos um filme qualquer e uma boa companhia, e no coração alguma coisa que nem eu sei o que é ainda.