Jornalista afirma à CNN que mais da metade dos padres da Igreja Católica são gays


O jornalista Mark Dowd declarou em entrevista à rede de TV "CNN", que há muitos mais homossexuais dento da Igreja Católica do que se imagina.

Mark é ex-frade e disse que "metade, se não mais, de todas as pessoas que entram nos seminários são gays". Segundo ele, sua afirmação se baseia em conversas com membros da Igreja Católica, assim como sua própria experiência dentro da Congregação.

O jornalista também comentou sobre a publicação do jornal italiano "La Repubblica", no qual indicava que um "lobby gay" dentro do Vaticano e chantagens estariam por trás da renúncia do Papa Bento XVI.

"Quando você tem essa cultura de segredo e culpa e repressão. Você tem condições que fomentem o potencial de chantagem e de manipulação", disse Dowd.

O britânico contou ainda sobre um entrevista que fez com o irmão do Papa, Georg Ratzinger, "Ele disse (que o Papa) basicamente ficava acordado à noite suando e se preocupando com isso. E isso, na verdade, em termos de sua própria saúde emocional se tornou um peso grande em cima dele", disse o jornalista.

Via: A CAPA
Share on Google Plus

Editor Blog Para Mocinhos

Thiago Silva - Estudante de jornalismo, 20 e poucos anos, curioso e extremamente gay além de editor e criador do Blog Para Mocinhos. Nos ouvidos um bom eletro pop e um pouco de indie rock, nos olhos um filme qualquer e uma boa companhia, e no coração alguma coisa que nem eu sei o que é ainda.