Beyoncé sambando na cara das recalcadas


Depois da segunda guerra mundial, uma das maiores catástrofes da humanidade foi a Beyoncé usando playback quando foi cantar do hino dos E.U.A durante a posse do presidente Obama [já tinha comentado sobre isso aqui]. Mas hoje tia Bey volta a esse bordel que eu chamo de blog para ensinar a cada uma de vocês como fechar com a cara das recalcadas.

Após pesquisas foi confirmado que 10 entre 10 fãs da Negroncé sofreram bullying depois do episódio da dublagem, mas hoje é o dia das gatas lascaram a mão na cara das littles monsters [elas são atrevidíssimas, e adoram fazer xacota com as admiradores de outras divas pop], vem cá que eu te conto o porque.

Hoje durante a coletiva de imprensa do Supe Bowl, que rola dia 03,  Beyoncé comentou sobre o caso e assumiu o uso de playback [palmas para ela]: "Eu sou perfeccionista. Não tive tempo de ensaiar com a orquestra. Então, causa do tempo, do evento, e do respeito que tenho pelo presidente, eu decidi cantar com a música pré-gravada. E tenho muito orgulho da minha performance"; disse a gatinha.

Mas o fuá não iria parar por aí, Beyoncé ligou pra Rihanna e pediu umas dicas de como fexar com a cara das jornalistas subiu novamente ao palco, e cantou o hino nacional ao vivo, com um sorriso na cara e a hastag #chupa escrita na testa.




E agora falando do Super Bowl que repito, rola dia 03, próximo domingo, a Beyonça divulgou um vídeo boca de confusão dos seus ensaios, e ainda na coletiva do evento ela falou sobre isso: “Estou muito ansiosa, e vou cantar ao vivo. Ensaiei muito e nasci para fazer isso. Vai ser ao vivo. Estamos nos preparando há mais de cinco meses e isso é estressante. Estou nervosa. Quando vi o estádio, fiquei emocionada. Essa é uma oportunidade incrível”.

Pelo vídeo já deu pra sentir algumas das músicas que a moça deve performar, com certeza vai ter "Single Ladies", “Crazy In Love”, “Freakum Dress” e eu nua dançando na sala aqui de casa [brinks], agora peguem papel e anotem, dia 03, 20 horas, horário de Brasília, no ESPN ~ tem uma boatos de que o Destiny's Child possa se reunir na performance, mas olha, acho difícil.

Share on Google Plus

Editor Blog Para Mocinhos

Thiago Silva - Estudante de jornalismo, 20 e poucos anos, curioso e extremamente gay além de editor e criador do Blog Para Mocinhos. Nos ouvidos um bom eletro pop e um pouco de indie rock, nos olhos um filme qualquer e uma boa companhia, e no coração alguma coisa que nem eu sei o que é ainda.