Beyoncé, Britney e Rihanna desistem da carreira pop e viram MC's


Gatas, peguem seus short's beira de cooh, top's de lycra, tamanco, muito blondor, aquele DVD mágico do "MC Naldo" e vamo pra laje lá de casa, porque hoje vai ser boca de confusão.
Nessa onda onde nem tudo o que vem dá favela não é mais coisa de favelado, e de que nem só de homem se faz o "funk". As mulheres estão tomando conta do cenário, estão virando MC's e mandando beijos para as recalcadas.

Até ai tudo bem, o problema ~ ou não ~ começa quando elas pegam o nomes de divas do pop e incorporam ao seus nomes artísticos. Ou seja: az.gays se rasgam.
Vamos começar por ela, MC Beyoncé ~ linda, negra e abusada [será?]
E olha, ela não recebeu esse nome porque parece com a Beyoncé não, é só porque a gata é fan da mulher do Jay-Z táh?! Essa já deu as caras até no "Esquenta", programa da Regina Casé na Globo.



Não bastasse a negronce em versão "funk" agora até a Neide Spears tem uma brazilian funker, MC Britney é muito lin... bem, ela é alguma coisa na vida. Infelizmente não tem clipe oficial ainda, mas tem uma page com 115 curtidas e uma música linda, que se chama "Seu nome é recalcada" e outro single muito bom, um tal de "Cobra Safada" ~ só coisa phina.



Agora a porra ficou série ~ tá, eu sei que o nome dela nem é MC Rihanna, é MC Suzy mesmo, mas só pelo sample de "We Foud Love" a gatinha já merece todo o meu respeito.
Cata a poesia da letra:
"Sei que você me quer seu olhar não me engana 
Vou dançar e tirar a roupa pra você ao som da Rihanna"
Preciso dizer mais alguma coisa? MC Suzy sua linda.


~  PLUS ~



Share on Google Plus

Editor Blog Para Mocinhos

Thiago Silva - Estudante de jornalismo, 20 e poucos anos, curioso e extremamente gay além de editor e criador do Blog Para Mocinhos. Nos ouvidos um bom eletro pop e um pouco de indie rock, nos olhos um filme qualquer e uma boa companhia, e no coração alguma coisa que nem eu sei o que é ainda.