I Wanna Go to Inferno


Já dizia o ditado "Mente vazia, é oficina de Satanás", agora, se a mente for de uma fã da Neide... ah meu amor, pode chamar o Padre Quevedo, porque essas gatas, já nascem pra rodar no terreiro e chocar a sociedathi.

A cerca 10 dias para o show da Britoca no Brasil, suas lindas e phemininas fãns já ocupam a calçada do Sambódromo, claro, que a polícia bate lá constantemente para separar as brigas entre as bilús, ocasionados pelos motivos mais banais: katiações com os boys alheios , elza de maquiagem e produtos de beleza, e claro, quem performa melhor. Por falar em performar ... vamos acompanhar o que eles fazem no calçadão, afinal, já são quase 30 dias de acampamento para garantir um lugar na beira do palco, durante a Femme Fatale Tour no RJ.


Vou ser sincero: no começo do vídeo, quando ví a Gaga.Negra toda enrolada no pano.branco, eu jurava que seria uma review da Chacina da Candelária, mas G.zuz não deixou. Nos mais acho digno fans da Neide coreografando de maneira tão digna as coreôs da Gaga, mas claro, tinha que rolar confusão ...


DUELO DE BILÚS: repito, a primeira lei de sobrevivência do gay world é "nunca fale mal da diva de uma gay", e esse vídeo é uma prova disso. A pokemonzinha já vem cheia de mágoa de cabocla rasgando o verbo, e a guei boca.de.confusão acrescenta "as fãns da Lady Gaga também".
Mas gente, ligar pra polícia pra fazer o fuá com as Brit.Fans que estão acampando no calçadão é muita maldatchi. PALMAS PARA QUEM TEVE ESSA ATITUDE DIGNA DE PAOLA BRACHO!


E a Beyonça? É o saci? Não, meu amor, trata-se de mais uma pessoa atrevida, e que viu toda a sua vida passar por entre seus olhos. E olha, antes que alguém me chame de racista: minha intenção não foi essa, e acorda fiaton, eu também sou negro.

Agora fica a pergunta: essa gays não tem roupa pra lavar, calçada pra varrer, estudos e nem trabalho não?
Essas e outras perguntas você acompanha sexta-feira no Globo Repórter.
Share on Google Plus

Editor Blog Para Mocinhos

Thiago Silva - Estudante de jornalismo, 20 e poucos anos, curioso e extremamente gay além de editor e criador do Blog Para Mocinhos. Nos ouvidos um bom eletro pop e um pouco de indie rock, nos olhos um filme qualquer e uma boa companhia, e no coração alguma coisa que nem eu sei o que é ainda.