4 Cd's Pra Você Baixar e Viver Feliz


Olha, não me julguem por isso, mas esses CD'S que vou indicar aqui não tem nada de super.novos, mas são os que bombam no meu MP4 - sou pobre e não tenho iPod - então, aproveita que hoje é sexta, segura o peito, pega o bojo, liga praza.migues porque hoje vai ter close na calçada. Pelo menos é o que eu espero.

Rihanna - Talk That Talk: O novo cd da amapozinha tá exalando sedução e piriguetismo. Letras muito safadinhas e uma mescla de tudo que ela já fez, como sempre a gata traz uma música de batida marcada, pop sujo e agora com dois singles de pura bateção de cabelo. Acredito que "Talk That Talk" não traz nada de novo se tratando dos trabalhos antigos da Rirí, mas ela consegue conquistar. Me admira a capacidade vocal dela pra fazer perfeito em musicas que reinam nas pistas, ou em suas baladas românticas. Destaque para a música "Birthday Cake" que eu amei logo que ouvi, e "Farewell" que é simplesmente linda , e cheia de mágoa de cabocla. E pra dar uma amostra de que ela pode surpreender, vamos a minha aposta do ano: "Where Have You Been". No minuto 1:15 todas grita: EITA KARALHO!


Nicola Roberts - Cinderella's Eyes: Pois é gente, já falei da Nicolinha algumas vezes aqui no blog, e claro, ela merece todo o meu respeito. A gata emplacou um dos hits que bomba nas pistas do pop atual "Beat of My Drum". Eu mesmo nunca pensei que depois da saída do grupo "Girls Aloud" ela conseguiria ir além, até porque além de pálida a bilú é sem sal e parece uma varetinha, mas olha, bastou ouvir o cd "Cinderella's Eyes" pra perceber que a fofa tem potencial. Comparar o pop britânico com o americano é totalmente sem sentido, então não espere aquela bateção de tabaco e letras cheias de gemidos e dedadas. Em seu primeiro cd solo, Nicola tem efeitos pra te fazer voar, uma voz suave e mais um mix de cores, e sons que lembram de games as palminhas e um ar meio Bjorkistico em algumas das músicas. Destaque para Gladiator que é exatamente o que vamos ouvir agora.



Natalia Kills - Perfectionist: Essa também não é nova aqui no blog, já declarei meu amor pelos singles "Wonderlan" e "Mirrors", mas bastou ouvir o cd completo pra perceber que a gata tem muito mais a oferecer. Um pop.dark, é assim que a Natalia intitula sua música, e eu concordo. Nada de esperar letras melosas e um pop pra te fazer ficar feliz, no no no, espia só esse trecho da letra de "Break You Hard" - Beijo os garotos e os faço chorar / Os faço chorar / Não preciso do seu coração, eu tenho o meu / Eu tenho o meu. Deu pra sentir o drama?
Ouvi dizer que ela é da mesma gravadora que a Gaga, e a principio a ideia era criar um versão ante.Gaguistica, nada de pregar o amor e a igualdade, Natalia Kill traz batidas pesadas, e tem uma sonoridade semelhante ao cd "Rated R" da Rihanna - foi a primeira coisa que pensei quando ouvi. Vamos ficar curtindo "Love is a Suicide", mas não deixem de ouvir "Kill My Boyfriend", "Zombie" e "Superficial", são as minhas preferidas.






Cher Lloyd - Sticks + Stones: Nem se faça de doida, você com certeza conhece essa gata de 18 anos e que transborda abuso. Sim meu amô, Cher Lloyd saiu do The X Factor com fama de abusada, e o primeiro single da bunita (com u mesmo) "Swagger Jagger" já veio carregado de "mell.cooh pra vocês". Mas calma, ele conseguiu fazer um pop legal sendo aparentemente gentil. Há quem diga que a proposta era criar algo meio Bieber, mas a moça não pegou essa ideia. Em seu novo CD o que rola solto é um pop bacana, romântico, e com a cara de uma moça de 18 aninhos mesmo, uma prova disso é a baladinha "Beautiful People" que é muito fofa e dá até vontade de chorar, tá, mas tem mais música merecendo destaque, entre elas "Want U Back" que é uma delicinha, e olha Cher é atrevidinha e faz um rap gostoso entre uma música e outra, além é claro da voz super divertida que ela tem. Por falar em divertida, vamos ouvindo "Superhero" que uma gostosura. Eu adoro essa música, e um certo amigo meu bem alí também.



* PRA BAIXAR OS CD'S É SÓ CLICAR NA 
IMAGEM DE CADA UM.
Share on Google Plus

Editor Blog Para Mocinhos

Thiago Silva - Estudante de jornalismo, 20 e poucos anos, curioso e extremamente gay além de editor e criador do Blog Para Mocinhos. Nos ouvidos um bom eletro pop e um pouco de indie rock, nos olhos um filme qualquer e uma boa companhia, e no coração alguma coisa que nem eu sei o que é ainda.