Personagem de Schwarzenegger em 'Os Mercenários 3' é gay, diz diretor



Diretor de "Os Mercenários 3", Patrick Hughes respondeu às especulações na internet de que os personagens de Arnold Schwarzenegger e Jet Li seriam homossexuais. Perguntado pelo site "Grantland" sobre uma cena em que os atores conhecidos pelos papéis "machões" supostamente trocam carícias, ele brincou.

"Acho que eles são (gays)", respondeu, quando perguntado sobre a cena. Segundo o "Grantland", ele garantiu que não estava mentindo.

Nas imagens, Schwarzenegger e Li estão em um bar, quando o personagem do ex-governardor da Califórnia acaricia um pingente do colega. Quando são confrontados por Barney (Sylvester Stallone, líder do grupo), Trench (Schwarzenegger) responde rispidamente.

A suposta homossexualidade dos personagens é uma surpresa na franquia. "Os Mercenários" reúne alguns dos atores de ação considerados mais brutos e heteronormativos no cinema, como Chuck Norris, Jason Statham, Terry Crews, Wesley Snipes e os próprios Stallone e Schwarzenegger.

O histórico de Schwarzenegger com a questão homossexual é controverso: enquanto governardor da Califórnia, o republicano vetou duas propostas pró-casamento de pessoas do mesmo sexo, apoiou a Proposição 8, que vetava o direito de se casarem, e disse que este tipo de união é entre "um homem e uma mulher".

Curiosamente, o próprio Schwarzenegger admitiu ter unido dois casais gays em seu próprio escritório. Além disso, a Califórnia é o estado americano com maior percentual e número geral de habitantes homossexuais. A região metropolitana de São Francisco é a que tem a maior população gay no país.

Via: O GLOBO

Tom Daley todo sexy para um calendário 2015


Quem o nadador gay mais fofinho do mundo e que a gente tanto ama?
É claro que é o fofo do Tom Daley, desde que saiu do armário em 2013 o atleta britânico já conquistou eu espaço no coração da comunidade gay.

O moral dele é tanto que já tem seu calendário próprio. Com fotos bem safadinhas e molhadinhas o moço que foi bronze nas Olimpíadas de Londres vai estampar muita parede de muita gente. O calendário já pode ser comprado na web  através desse link.
Meu aniversário é em outubro e eu já aceito como presente tá?!



TÔ TODA MI.TREMENDU

Acabou a baixaria: Secret não pode mais ser baixado



Inhay gueis!
Cês juravam que eu tinha morrido ou esquecido de vocês, mas não, eu apenas estou super ocupado com meu segundo emprego e minha monografia, em compensação eu estou voltando mas o app mais fuxico dos últimos dias está indo embora.

Depois da determinação da Justiça do Espírito Santo, o aplicativo Secret será banido das lojas de app's e desinstalados remotamente dos smartphones que já tem o babado. Na tarde de hoje, 21, o sistema já não estava disponível na AppStore, já na loja do Google e le ainda estava disponível, mas até o final da semana que vem o Secret será banido do país, porém o aplicativo ainda pode ser baixado através de contas de outros países.

Para quem não conhece [bicha pêssega] o Secret é um app onde você pode contar seus segredos, ou rasgar os podres de alguém, tudo sem precisar revelar a sua identidade. Dava pra postar foto, comentar e tudo isso anonimamente.

Aqui em Fortaleza, um dia depois do lançamento do app ele já estava bombando na mão de todas as bichas [a nossa categoria é sempre ligada na tecnologia e adora um fuá]. Não demorou muito pra rasgaram os podres das celebridades da noite de Fortlandcity, era foto da neca de DJ, sextape de promoter, traições sendo jogadas no ventilador e muita bicha magoada [eu só assistia de camarote].

Pra mim o Secret vai fazer falta, não pela parte ruim de rasgarem os podres alheios, jogarem deboche e injúrias, mas porque eu adorava contar meus segredos por lá. Só isso!

"Feliz dia dos paus" by Diego Hypolito


Sem sombra de dúvidas as redes sociais são dominadas pelos gays, e nós usamos essas ferramentas para propagar o amor e a igualdade jogar deboche e causar intriga, basta o menor deslize de um ser humano desavisado e pow ~ um print feito e uma piada pronta.

O último que sofreu com essa maldade foi o ginasta brasileiro e heterossexual [enfase no heterossexual tá?] Diego Hypolito. Ele foi fazer uma self ingênua, com uma singela mensagem sobre o dia dos pais, não fosse o erro fatal de digitar PAUS, ao invés de PAIS.

“Para não perder o costume!!!!! Foto kkkkkkkk boa noite galera!!!!!!!!! Ótimo final dia dos a todos os pais!!!!! E em principal meu pai guerreiro! Lindo que amo incondicionalmente!!!!!!!!!!! Wagner hypolito!!!!!”, afirmou.

Depois disso foi print da mensagem pra todo lado, e dezenas de comentários tirando onda com a cara da bee dele. Ele até tirou a mensagem do ar depois, mas aí já era tarde de mais.
Eu não vou comentar nada porque rir e digitar ao mesmo tempo é algo muito difícil pra mim.



Ex-casal gay que vive no armário é obrigado a conviver em bastidores de novela…


Atenção, esse post é um babado sobre a vida de famosos, então se você é uma bicha lesa, pêssega e que vive off do babado, nem me culpe se você não souber de quem estamos falando. 
Outra coisa, o texto abaixo foi originalmente escrito pela grande jornalista Fabíola Ripert, ou seja: eu não tenho nada a ver com isso.

Agora segura o peito e vem:

Dois belos atores que estão na novela Boogie Oogie têm se esbarrado nos corredores do Projac.
Quem trabalha lá e sabe da história esperava uma grande saia justa, pois há quem diga que o namoro não terminou de forma muito amigável.
Mas eles têm convivido normalmente sem estresse. E isso só se tornou possível porque a fila andou para os rapazes.
O mais bonito está com um médico. E o seu ex agora namora outro ator global.
Nenhum deles é gay assumido e inclusive arrumam namoradas de fachada para disfarçar.
Como é pantanoso e hipócrita esse mundinho dos famosos, né?
Via: Fabíola Reipert 

MINHA REAÇÃO QUANDO LEIO UM BABADO DESSES:

Desde quando o Easy Taxi virou app de pegação?


Juro que não vou julgar você, gatinho safado, que adora um app de pegação, e já tem o grindr, hornet, scruff, disponível, gayromeo, manhunt e mais tudo que é app que se possa iamginar, pois bem, já pode baixar mais um, o "Easy Taxi".

Criado com a intenção de pedir um taxi de maneira rápida e prática[eu tenho ele no celular e já usei várias vezes... para pedir taxi] o aplicativo tomou novos rumos. Alguns usuários estão usando o "Easy Taxi" para marcar uma pegação safada.
Funciona da seguinte forma, no campo "ponto de referência" você coloca uma descrição do que está procurando e pronto. Tem alguns que oferecem até um pagamento #PassadaNaQualy

Daí você espera o "motorista" aceitar o seu pedido e... boua sortchy meu abór!


10 Lições sexuais para moços modernos

Acreditem babys, até o começo de outubro minha vida será uma loucura sem fim, por motivos de dois empregos, monografia, blog e um namorado pra dar de conta [sim, tem que dar assistência meu amor] o que implica que textos e matérias super bacanas serão difíceis de se fazer, mas não impossíveis.

Por sorte a internet tá cheia de gente boa, e a gente pode compartilhar tudo que é bom, tipo esse texto do fofo do Bruno Etílico para o "Os Entendidos", que vocês precisam ler. 
Só isso mesmo. Valeu! Falou!


1) O cara não te chupa porque ele é “homem das antigas”/”macho”.
Lembre a ele que você também é homem e nem por isso deixaria de chupar o pau dele. Pense que ninguém é mais homem que o outro enquanto mija na escova de dentes dele. Vista-se e vá embora.


2) O cara reclama que você não teve “pegada de macho” quando o comeu.
Sorria, mande-o tomar no cu e vá embora. Isso nem merece explicação, porque você não tem que ser o “fodelão” só por ser ativo.


3) O cara reclamou que você o sujou porque saiu um pouco de fezes quando ele te comeu.
Você sabe que dá pra se preparar antes, mas se não deu, ele deveria saber literalmente aonde estava se metendo e que isso podia acontecer. Peça para ir ao banheiro e limpe sua bunda na toalha dele. Depois, vá embora.


4) O cara reclamou que sua bunda está peluda, pois passivo tem que ser “lisinho”.
Diga que, inacreditavelmente, pelos fazem parte do corpo e eles vão crescer. Solte um pum no quarto dele, vista sua roupa e vá embora.


5) O cara fez força e não parou de te penetrar, mesmo você pedindo para ele parar porque estava doendo.
Vista sua roupa e vá para uma delegacia porque o nome disso é estupro e não sexo consensual.


6) O cara falou que você foi ótimo, mas no sexo ficou “miando”.
Diga que ele também foi ótimo, mas que no sexo foi broxante ele se achando superior porque gemia como ator viril de filme pornô. Diga “tchau, gatãn” e vá embora.


7) O cara disse que não apara nenhum pelo porque é “homem”/”macho”.
Diga que aparar os pelos não é uma obrigação e cada um faz o que quer, mas que o fato dele ter comentado isso o torna um babaca e que existir uma hierarquia de “mais” ou “menos” homem (aonde ter pelo te torna mais homem do que quem se depila) é uma escrotidão sem fim. Pegue uma fita adesiva, tire um tufo da perna dele, vista-se e vá embora.


8) O cara reclamou que você “tem barriga”.
Diga a ele que você irá refletir sobre isso enquanto come um hambúrguer maravilhoso. Deixe um recado de “não me procure mais”, vista-se e vá embora.


9) O cara diz que por você ser ativo, você paga o motel.
Diga que por ele ser bípede, vocês dividem a conta. Nem entre no motel e vá embora.


10) O cara disse que é passivo apenas com homens héteros.
HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA 
HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA
HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA
HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA

Querer reproduzir padrões machistas da heteronormatividade entre os gays é, se não risível, decadente e arcaico. Se falam que entre os gays está o pensamento mais “pra frente” acerca do sexo, pessoas que dizem que existe “jeito de homem”, que “passivo é inferior ao ativo” e que “efeminado está abaixo do ‘machinho’” mostram que ainda temos muito o que caminhar.

Canal lança vídeo chocante sobre homofobia na Jamaica; veja


Via: A Tarde

O canal de vídeos VICE News lançou em seu portal um documentário sobre uma comunidade gay na Jamaica que chamou a atenção para a homofobia, amparada inclusive em leis, naquele país. Lançado no final de julho, tinha mais de 200 mil pageviews neste sábado.

Na capital, Kingston, um grupo de homossexuais vive numa espécie de "bueiro", ao relento, e convive diariamente com o risco de assaltos, estupros e até mesmo assassinatos, apenas por ser gay.

Os Gully Queens, como eles chamam a si mesmos, começaram a procurar refúgio nos esgotos depois de serem forçados a sair de barracos e prédios abandonados. Alguns foram expulsos de casa por suas próprias famílias.

Recusando-se a esconder a sua sexualidade, a vida em comunidade, apesar dos riscos, garante um pouco mais de segurança. O esgoto termina criando uma espécie de santuário de boas-vindas aos que chegam.
Vivendo juntos, os Gully Queens conseguem tirar uma pitada de otimismo entre eles, que conhecem como Batman, Rihanna, Beyonce e outros nomes de famosos.

O grupo tenta viver uma vida um pouco mais digna, mas convive com baratas e mosquitos. Ao mesmo tempo, improvisam um chuveiro com água limpa que jorra de um hidrante e dormem em colchões improvisados.

O vídeo (em inglês) da VICE News tem palavreado de baixo calão; assista:




Globo faz a podre e corta cenas de beijo gay em "Império"


Não sei vocês, mas eu estava aqui com o cooh batendo palmas de emoção e louco pra ver a cara das evangélicas depois que Aguinaldo Silva desse uma voadora no peito deles com um puta beijo entre os personagens Cláudio (Jose Mayer) e Leonardo (Klebber Toledo) da novela Império.

Como tudo indicava, o primeiro beijo entre os dois deveria ter rolado hoje, 4 de agosto, e claro a gente percebeu que o babado não aconteceu. A emissora vetou a cena, alegando que o público ainda não estava "familiarizado" com os personagens, o que a gente acha totalmente incoerente, já que pra cena de morte, tiro, sequestro, tortura e tudo mais, não tem essa frescura.

Enfim, depois de muito arranca rabo ficou acordado entre a emissora e o autor, que a cena do beijo iria finalmente acontecer no dia 12, pelo menos foi o que informou o site "Diário 24 Horas", mas ainda segundo o portal, mais uma vez a cena foi vetada. 

"Os dois se "beijarão" sim, porém o público não verá. Conforme divulgado, os personagens Cláudio e Leonardo estarão em um local público e Érika, jornalista vivida pela atriz Letícia Birkheuer, fotografará o momento do beijo na rua, mandando a imagem para o blogueiro Téo Pereira, personagem de Paulo Betti.
Logo depois do beijo e da demostração de carinho, Cláudio e Leonardo serão hostilizados na rua por um grupo de adolescentes, que além de expor os dois, ainda os ofenderá com gritos. " diz o texto publicado.

Para quem estava ansioso pelo beijo já pode tirar o cavalo da chuva, pelo visto isso não vai acontecer tão cedo. E se "Império" prometia ainda cenas fortes e quentes entre os dois, pelo andar da carruagem é bem capaz deles colocarem o dedo podre aí também e cortarem ou remodelarem essas cenas.
Enfim, eu juro que tento entender essa emissora repleta de gays, mas que insiste em tratar o assunto como tabú. Acordem bilús, vamos pra ruas!


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...