“Gerontofilia”, novo filme de Bruce LaBruce, retrata o amor de um jovem por um idoso


Em nossa cultura obcecada pela juventude, a idéia de idosos tendo desejo sexual é um tabu tão grande a ponto de fazer com que a idéia transformar esse desejo em roteiros de filmes ou programas de televisão abjeta. E enquanto um fetiche por couro ou sadomasoquismo é visto como um desejo por aventura, o desejo sexual por alguém 60 anos mais velho do que você é visto por muitos como uma espécie de perversão.

Mas este é tema abordado pelo diretor canadense Bruce LaBruce em seu último filme “Gerontofilia”, que está sendo exibido durante o London LGBT Film Festival deste ano.

“Gerontofilia”, que significa “amor por idosos”, o filme é estrelado por Pier-Gabriel Lajoie, que interpreta Lake, um belo jovem de Quebec, que apesar de estar em um relacionamento com uma garota, encontra-se atraído por homens muito mais velhos.

O acaso dá a Lake a oportunidade de trabalhar em um centro de atendimento assistido para idosos, onde o adolescente começa um romance com o octogenário Melvyn Peabody (Walter Borden). A história chega a um ponto em que os dois saem em uma viagem pelo país, até que Lake decide resgatar Melvyn do péssimo tratamento que ele está recebendo na casa de repouso.

Teria sido muito fácil para este filme dar ao desejo inter-geracional um tratamento de freak show. Uma cena no início do filme, quando o Lake desvia o olhar para um homem mais velho em uma esquina, inclusive provoca algumas risadas na audiência.


Mas, conforme Lake e Melvyn se aproximam, e como a personalidade encantadora de Melvyn é lentamente revelada ao longo do filme, o relacionamento já não se revela tão incomum como parecia à primeira vista .

Outra cena que desmistifica o tema é quando o Lake confessa a sua namorada que ele “pode ter um fetiche”. Ela então lhe pergunta: “Você quer dizer algo como couro?”, ao que ele respondeo: “Não, não é tão ruim assim.”

Enquanto “Gerontofilia” aponta para problemas graves na forma como nós tratamos os nossos idosos, o longa também mantém uma atmosfera light por meio do humor proporcionado pela namorada über-feminista de Lake e de sua mãe alcoólatra.

LaBruce nunca se furtou a retratar o mundo tabu de gostos sexuais alternativos, que fez com que seus filmes permanecessem muito mais no circuito dos festivais de cinema de arte ou no espectro da subcultura LGBT.

Mas pelo enfraquecimento do sexo e da nudez predominantes em seus trabalhos anteriores, LaBruce fez um filme que poderá ser apreciado pelo grande público nos próximos meses.

Via: LadoBi

30 mentiras e eufemismos que homens gays adoram!

Tudo certo para aquele encontro incrível marcado há eternos dois dias! Você todo arrumado, com aquela calça que marca melhor a bunda e o topete que levou quase uma hora pra ficar do jeito certo. Lá vem ele, o bofão que encheu o seu WhatsApp de fotos picantes e frases de efeito e… e… Ele não era mais alto? Cadê os músculos? Ain, isso quer dizer então que ele NÃO tem 25 cm de neca?! HELP!

Todo mundo mente. Às vezes é uma mentirinha boba, tipo dizer que já está chegando quando ainda está terminando de se arrumar. Outras vezes, é algo mais sério, que pode ferir os sentimentos das pessoas, como anunciar um retorno do Destiny’s Child. Mas o fato é que todos mentimos, omitimos, ou recorremos a eufemismos para não dizer exatamente a verdade.

A cultura masculina, com suas cobranças e padrões inalcançáveis, é terreno fértil para a criação de subterfúgios, e quando juntamos homem com homem então… Senta e rebola que a lista é longa! Na coluna de hoje, conheceremos 30 mentiras e eufemismos que os gays adoram – com suas devidas “traduções”!

Valendo!



RELACIONAMENTO

1. Status: Em algum lugar entre “solteiro” e “namorando”, flutua um “é complicado” que complica tudo!

2. Procuro algo sério: Aquilo que se diz antes de justificar o sexo no primeiro encontro com um “bateu uma química muito forte”.

3. Somos apenas bons amigos: Estamos transando.

4. Estou aberto ao que pintar: Não quero saber de namoro.

5. Procuro amizade: Procuro sexo.



SEXO

6. Nunca medi: das duas, uma: ou mal dá pra ver, ou nunca mais você vai sentar!

7. Só a cabecinha:  AAII!

8. Vou devagar: AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAIIIIIII!!!!!

9. Não vou aguentar/ Nunca fiz isso antes: Tá boua, bunitãn?

10. Sou virgem: Sou Libra, qual seu ascendente?



ONLINE

11. Coé, blz fera? : Nhái bunitãnn!

12. Só tenho Skype: Não, é claro que não vou te adicionar no Facebook!

13. Sou “ativo liberal”:  Hoje – só hoje – estou mais afim de dar… Não sei como!

14. Real já!: Webcam.

15. Não efeminado: #PartiuSegurarAPintaNaHoraDeConhecerOBoy



CULTURA

16. Não curto funk, mas se tocar até danço: Valesca RAINHA!! Keep calm e deixa de recalque!

17. Adoro festa Anos 80: Adoro Gretchen.

18. Prefiro os livros: Me deram os spoilers de Game of Thrones.

19. Prefiro cinema mais conceitual, de arte: Moulin Rouge.

20. Curto um som mais intimista: Já abriu a pré-venda da ARTPOP Ball?



COMPORTAMENTO

21. Malho por questão de saúde: Instagram #NoPainNoGain

22. Desculpe, tenho que olhar essa mensagem: Grindr.

23. Não ficou linda essa minha foto na praia? : Não ficou linda essa minha foto sem camisa?

24. Vou ali e já volto, tá?:  Adeus.

25. Adoro blusa justinha assim: Comprei na sessão infantil.



HOMOFOBIA

26. Sou homossexual: Viados são vocês.

27. A Parada Gay é uma micareta sem sentido: Fui e não peguei ninguém.

28. Ser gay, tudo bem. Só não precisa dar pinta e fazer escândalo: CurtoMachoMasEuSouHomem,Héin?NãoMeConfundeComEssasBichinhasAíNão,Viu? Viu?VIIIIIIIUUU? EuSouDiferente. NãoSou?DizQueEuSouDiferente,Vai,Diz,PorFavor!!!

29. Não sou homofóbico, mas… : Pre-para, que lá vem!

30. Temos que nos dar ao respeito! : Ai, ser hétero é tão lindo! Eu e meu namorado podemos nos inscrever? Diz que sim, por favor, por favor, pelamordedeus!!!

* * * * * * * * * * *

Bem, é claro que existem várias outras mentiras que contamos diariamente. Uma lista completa seria provavelmente infinita. A maioria, talvez, seja necessária para permitir a convivência pacífica entre nós, o que significa que nem sempre mentir é algo ruim. No fim das contas, vale uma daquelas “verdades universais” que já são tão clichê que viram adesivo brega da caminhão: A pior mentira é aquela que você conta para si mesmo.

Quando pensamos na comunidade gay – com todas as cores do arco-íris – fica difícil encontrar uma identidade única. Nem é preciso, na verdade. Mas se temos um denominador comum, é a nossa diferença, que nos coloca à parte independente da nossa vontade. Então eu pergunto se, num grupo assim, essa procura incessante por novas formas de excluir não seria uma farsa.

Não tínhamos saído do armário para acabar com as mentiras?

Sobre o BBB: Marcelo diz que não é gay e que nunca teve nada com Roni


O BBB acabou mas o povo insiste em enfiar o dedo na vida alheia e insinuar que fulano é gay e blá blá blá.
Vejamos o caso do bonitinhos Marcelo e Roni ~ dois homens puta.que.pariu, vaidosos, que se cuidam e que agora, depois do reality, estão mais amiguinhos do que nunca, amigos até de mais.

Os ex-brothers estão dividindo o mesmo apartamento no Rio de Janeiro, e já foram vistos caminhando juntos, mas tudo na maior brodágem, parceria de manos, coisa de heterossexuais sabe? Mas alguem foi questionar o Marcelo sobre esses boatos e a resposta foi essa: 

“Não sou gay. O Roni é como se fosse o meu irmão. Sou muito bem resolvido com relação a isso, e ele também”, afirmou Marcelo.

Tá certo Marcelo, também conheço um monte de brother que não curtem coisas gays, não são gays e nem dão o cooh ~ são os g0ys.

7 Motivos para assistir "Hoje eu Quero Voltar Sozinho"


Ontem tive tempo para assistir o filme mais esperado do ano por 10 entre 10 moços. Como imaginei, a fila do cinema do tamanho da minha dignidade [enorme] e repleta de moços [juro que procurei um hetero e não achei] ansiosos para assistir "Hoje eu Quero Voltar Sozinho". 

Sobre o filme, separei 10 pontos importantes e que vão te fazer sair daqui correndo direto para o cinema, e já aviso, se você não curte spoiler é melhor nem ler, porque aqui o babado é certo.



O ELENCO: Na verdade fui generoso em dizer "o elenco", mas na minha opinião o destaque fica mesmo para Guilherme Lobo que soube com muita doçura interpretar Leo, o personagem principal do filme. Por ser  um personagem cego Leo percebe o mundo de uma maneira diferente, as vezes mais sutíl e mais poética, explorando tudo ao seu redor usando outros sentidos, o que exigiu muito do ator. Doce na medida certa, o personagem caiu como uma luva para o ator, que soube guiar bem as cenas de conflito, paixão e poesia. O filme termina mas o amor pelo personagem é quase eterno.



AS PIADAS: É impossível não rir de algumas cenas, com piadas leves e inteligentes, os momentos engraçados quebram o clima, as vezes frio do filme e chegam com um pitada de frescor. Palmas para o diretor Daniel Ribeiro, que soube fazer isso muito bem. 


TRILHA SONORA: Outra coisa linda no filme é a trilha sonora, cheias de músicas calminhas, gostosas, do tipo que quando termina, a primeira coisa que você quer é baixar e continuar ouvindo. Talvez a mais presente em todo o longa seja a deliciosa baladinha "There's Too Much Love" da banda "Belle & Sebastian", que chega na hora certa, numa das cenas mais fofas.
Vale informar que tem também David Bowie com "Modern Love", Cícero com "Vagalumes Cegos," a gostosa "Janta" do Marcelo Camelo e Mallu Magalhães e aquela música fofa que ninguém conhece "Beijo Roubado em Segredo" da Tatá Aeroplano/ Juliano Polimeno. Aliás, já podem apertar o play e ler o resto do post com ela ao fundo.


A DELICADEZA: Sobre todos os dramas o maior é a liberdade buscada por Leo, que a todo tempo é negada pelo mundo super protetor ao seu redor, mais precisamente sua mãe e amigos. Mas o filme vai além, fala do amor, da descoberta da sexualidade, e tudo isso de uma forma tão natural, tão direta e ao mesmo tempo bem profunda. Nada de grande dramas, ou de um adolescente rebelde ou politicamente correto, "Hoje eu Quero Voltar Sozinho" mostra todos os desejos, inclusive os carnais, sendo explorados por um garoto que ainda não deu nem o primeiro beijo.



SEXO E NUDEZ: Calma safadinhos, o filme não tem cena de sexo, mas tem nudez [todo mundo fazendo cara de espanto] e olha, é tudo tão natural que rola até uma pitada de humor. Outra coisa linda do filme é a forma como ele mostra o desejo de Leo pelo seu amigo de sala Gabriel [Fabio Audi]. E quando falo em "desejo" quero dizer o carnal mesmo, pele com pele, sexo, e nesse caso masturbação. A cena onde isso é expresso é tão mágica, tão pura ~ ai gente, eu fiquei emocionado ~ e usa o cheiro como um combustível para as fantasias do moço cego.



FODA-SE O PRECONCEITO: Claro que num ambiente de adolescentes, escola, e descobertas, sempre existe uma dose de preconceito e desrespeito, seja pelo fato do personagem principal ser um cego, ou pela própria sexualidade que ele expressa. Ele sofre, literalmente cai, mas a sua reação é a melhor possível. Sobre o fato de ser cego, depois da queda nada melhor do que se erguer, Leo nega a ajuda e mostra que pode se virar sozinho, e sobre a homofobia e piadas sobre a sua sexualidade ~ a imagem já diz tudo.



FINALMENTE O AMOR: O nascimento da amizade de Leo e Gabriel é algo natural, sem dramas e comum, já a evolução até isso se tornar amor é turbulenta. De um lado Giovana [Tess Amori] a melhor amiga dos dois, traça um triângulo, hora amando Leo e depois amando Gabriel. Entre uma dança, um toque de mão e um abraço, os meninos vão descobrindo seus sentimentos um pelo outro, seja pela surpresa do beijo roubado, ou pela cena linda, onde tudo que Gabriel quer é devolver ao dono o beijo que ele lhe roubou.

Depois que o filme acaba, a sensação que fica é aquela de sair do cinema acreditando no amor. "Hoje eu Quero Voltar Sozinho" é doce, leve e direto, sem muita embromação, ou grandes dramas, mas isso não faz o filme ser melhor, nem pior, pelo contrário, ele só dá mais margem para que as coisas lindas desse processo sejam exploradas.

Natura sendo linda e incluindo casal lésbico em comercial do Dia das Mães


Existe coisa mais linda do que perceber que o mundo está mudando [pra melhor é claro]?
Pelo menos na nova publicidade da Natura eles fizeram questão de deixar isso bem claro, e mostraram como existem vários tipos de mães, inclusive "dois colos de mãe, numa família só", como diz a narração da campanha da marca de cosméticos para o dia das mães.

Mesmo faltando quase um mês para o "dia das mothers" a Natura já divulgou seu vídeo publicitário para a data e veio me enchendo de orgulho. Mostrando os tipos de mães, a marca apostou num nicho as vezes esquecido pelo mercado brasileiro, o LGBT.
Com muita delicadeza a campanha inclui um casal de lésbicas no vídeo, que já é lindo, e com esse detalhe ficou melhor ainda.

Não vou comentar, nem dizer mais nada, apenas apertem o play e vejam que fofo <3 nbsp="" p="">
Para a Natura fica aqui o meu obrigado e olha, já ganharam um novo cliente [marcas que apoiam e respeitam os gays merecem né gente?!].


Bababo: Marc Jacobs já está de namorado novo. Vem ver as fotos do boy!


Eu aqui ainda digerindo o fim do meu namoro [sim raparigas, terminei ontem o meu namoro de dois anos, e olha, não estou nada bem] quando me jogam essa noticia de que o lindo e poderoso do mundo da moda Marc Jacobs já está com um novo macho a tira colo.

A gente lembra bem do ex-love dele, o brasileiro Harry Louis. Pois bem, segundo fontes nada seguras [risos], o estilista estaria namorando mais uma vez um brasileiro, Rob Furtado é o nome do sortudo, que trabalha como modelo na França.

Fotos dos dois nas redes sociais já estão rodando por todo canto [eu pessoalmente não achei nenhuma], apesar de Jacobs negar que esteja tendo algum relacionamento com o moço.
Eu estou torcendo pra que seja verdade ~ porque a bicha é bem e a bicha merece ~ porque todo mundo tem o direito de ser feliz né?
Marc já percebemos que você ama brasileiros né? E olha, agora eu tô solteiro viu?!  ~ postou o blogayro atirado.

"Sexercize" single da Kylie Minogue ganha versão boys magia


Eu já tinha postado aqui algumas versões do clipe de "SEXERCIZE" da minha diva Kylie Minoguete, só faltava essa coisa gostosa aqui, que chegou tarde mas tá valendo do mesmo jeito.

O vídeo é inspirado no original, só que ao invés da Kylie e amapôs sendo sexy e safadas na academia, o vídeo reuniu boys pura magia cigana, suadinhos e matando a gente de desejo.
Outra coisa maravilhosa que vocês precisam saber é que nos vocais que canta é o gostosinho do Mike Munich, que é melhor sendo gostoso do que cantanto.

Já os dançarinos, são os tesudos Willie Gomez, Zac Brazenas, Andrew Pirozzi e Steven Dehler que para quem não sabe dançaram com a própria Kylie Minogue durante a fodástica turnê Aphrodite Les Follies Tour. 

Ver ver os atores pornô da Randy Blue dublando Beyoncé


Para quem já viu esse vídeo ~ beijos ~ para quem não viu ainda ~ bescha, corre aquin fiathon!

Depois de presentar a gente em  2010 com um tributo a diva Kylie Minogue com seus atores cantando descamisados o single "Get Outta My Way", a produtora de filmes safadinhos entre homens "Randy Blue" resolveu homenagear mais uma diva: Beyoncé.

Ela pegou uma penca de macho gostoso e que com certeza vocês vão reconhecer dos filmes safadinhos que assistem, e jogou eles só de cueca CK cantando "Blow" da Negroncé. Claro que eu assisti umas 12 vezes e sempre com o dedo devidamente enfiado no edí ~ porque sou dessas.

Fiz até o favor de pegar o nome de cada um e jogar aqui na seda: Diego Sans, Jarec Wentworth, Colby Keller [meu futuro marido], Kurtis Wolfe, Justin Owen, Abele Place e Austin Wolfe.

BLOW: Tribute to Beyonce from Jeremy Lucido on Vimeo.

Canal gay no youtube lança vídeo sobre a prática racional da chuca. Oi?


Tava lavando o cabelo quando recebi um e-mail indicando um novo canal de humor no youtube. Até aí tudo bem, até porque canal de humor no youtube tem vários, mas a diferença é que esse canal é gay, exclusivamente gay.

"Põe Na Roda" foi criação do Pedro HMC, que já participou da equipe de redação dos programas Furo e Comédia MTV, colaborou com Dani Calabresa no CQC e nos programas Fritada e Vamos Rachar, do Multishow.

Na estreia o canal abordou uma tema batido, mas ao mesmo tempo engraçado, a chuca [a primeira pêssega que perguntar o que é chuca leva uma pisa]. Lançando a campanha CHUCA CONSCIENTE... ai cansei de falar disso, assistem logo essa buceta.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...